O Contato com D`us


A essência da mística judaica é o Monoteísmo, A idéia de que o universo é governado por um ser máximo, todo poderoso.

Nós somos seres constituídos de vários elementos desiguais, sentimentos e características psicológicas que se contradizem freqüentemente.

Na vida sempre nos deparamos com a idéia da dualidade, do Binário.

A força do monoteísmo é conseguir unificar e, ordenar diversos elementos, espírito-matéria, vida-morte, bem-mal, consciente-inconsciente, pensamento-ação, luz-escuro, homem-mulher, através de uma união. É a unidade, que traz a idéia de que somos únicos, que o bem e o mal residem na mesma pessoa, que D’us e o diabo estão no mesmo homem, assim como Adão e Eva são a mesma pessoa.

Buscar entender o significado da UNIDADE NA MULTICIPLICIDADE, é descobrir sobre a liberdade da mente, sobre a liberdade inconsciente em que vivemos, dando campo para vivermos diferentes realidades, amores, paixões, conquistas, mortes, invejas, roubos, guerras, traições, diferentes atitudes e realidades internas e externas, diferentes faces e insatisfações. Diferentes desejos. E através de um olhar interno nos acontecimentos, nas diferentes dimensões visíveis e invisíveis que sentimos nossos impulsos e descobrimos nosso verdadeiro mito.

Devemos ler o universo como sendo um reflexo ou um resumo de D’us, e o homem a miniatura do universo. E daqui cria-se a correspondência mística entre o Macro e o Microcosmos. Contatar D’us é mergulhar na intimidade interior, para perceber melhor o mundo externo e a sua presença. Ao criarmos um espaço interno, um deserto, abrimos para escutar as palavras sagradas de D’us, seu aspecto mais sagrado, sua expressa, abrimos um espaço para sermos D’us, para que Ele possa se fazer em nós.

A saudade

A alma busca desesperadamente a cura, a volta a si mesma, a unidade pré existente, que é a originalidade dela. Esta é a saudade que temos dentro de nós. Nos falta D’us, nos falta luz, nos falta existir, estar por completo aqui e agora, expressando nossa vontade de viver. É este o princípio do compartilhar. Nosso movimento é movimento de retorno à originalidade, à Teshuva. E ela só é realizada sob aspectos do Perdão. Afastamo-nos de nós mesmos, da essência, da Luz, quando mergulhamos em nossas dúvidas e incertezas, quando nos deixamos nos levar pelas desconfianças, inseguranças e carências, aspectos do ego. Este é o momento em que a escuridão entra em nós, as cascas acabam por fazer parte de nossas vidas, tomam toda a nossa conexão de luz. Um dia estamos bem e no outro péssimos!!! A escuridão traz perturbação, falta de concentração e não realização. É preciso voltar para o silêncio e as conexões de estudo e oração, para que nosso ser seja preenchido pelo que há de positivo e luz.

Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
SOBRE NÓS

Kabbalah é uma linha filosófica espiritual que irá transformar completamente a sua vida.

LOCALIZAÇÃO

51 3388-7799 | 51 99979.4345

Porto Alegre RS

contato@escoladekabbalah.com 

CONECTE-SE